O ex-deputado estadual e radialista Carlos Geilson respondeu ao www.oprotagonistafsa.com.br, com uma boa alfinetada, ao zignow dado pelo deputado federal Zé Neto, que se lançou candidato a prefeito de Feira, em ato oficial no domingo (14), se antecipando ao mesmo objetivo de Geilson. “A minha candidatura a prefeito nada tem com Zé Neto. Nunca teve. Eu só questionei, quando ele se lança com muita antecedência (a prefeito), se ele não está queimando etapas, quando deveria aproveitar esse tempo para construir as alianças e solidificar projetos. Citei como exemplo o ex-prefeito Zé Ronaldo, que tem dito que Colbert é um candidato natural, mas não afirma que é o candidato dele (Ronaldo). Nem quem está no exercício do poder, que é o prefeito Colbert, tem dito que é candidato, porque não é hora de se lançar. Muito cedo um lançamento de candidatura agora. Eu acho prejudicial ao candidato que se lança tão prematuramente. Em relação à minha candidatura, tenho conversado com alguns partidos. Nós já temos um esboço, um esqueleto. Se nada for alterado, com o passar do tempo a candidatura estará solidificada. Eu entendo que candidatura majoritária não pode ser um projeto individual, tem que ser de grupo. Primeiro tem que montar um grupo e dentro desse grupo sair um candidato, que pode ser eu ou pode ser outro que reúna melhor condição de brigar para chegar à Prefeitura de Feira”.