CURTA AS CURTAS


- O governador Rui Costa vê “politização” na greve nas universidades estaduais baianas. Ele citou uma situação que envolve a Universidade Estadual de Feira de Santana (UEFS). “Na UEFS gasta-se o dobro com vigilância, comparado com outras universidades. Só tem um campus. Gasta mais que Conquista, que tem três campus. Gastar o dobro com empresa de vigilância melhora educação? Isso para mim é desperdício de dinheiro público”, comparou.

- Existem postos de saúde em Feira de Santana sem médicos. Isso é fato. Mas não é por falta de recursos, como algumas pessoas dizem. Uma fonte informou ao blog que existe o dinheiro, falta é profissional para contratar.

- O ex-presidente Lula vai se casar. “Ele está em ótima forma física e psíquica. Sua grande preocupação agora é com a defesa da soberania - com a união dos brasileiros para defender o Brasil e seu povo contra isso que está aí. Está apaixonado e seu primeiro projeto ao sair da prisão é se casar”, escreveu o ex-ministro Luiz Carlos Bresser Pereira em sua conta do Facebook. Lula quer defender o Brasil e o povo. Interessante é que ele não se preocupou em defender a Petrobras e as demais estatais assaltadas em seu governo.

- Conforme o colunista da revista Época, Guilherme Amado, a namorada tem cerca de 40 anos e visita Lula com frequência na cela da Polícia Federal. Lula, que tem 73 anos, é viúvo há poucos mais de dois anos.

- A vereadora Eremita Mota (PSDB) reclamou da violência em Feira de Santana, em especial na zona rural. Segundo a vereadora, a situação é precária em toda a cidade e em muitos bairros é preciso que as pessoas andem com os seus bens escondidos. Eu conheço um ex-deputado que enxergava essa situação quando era oposição ao governo do estado. Hoje, nem fala mais.


Vou ali, pois aqui acabou.