Dois vereadores usaram a tribuna da Câmara Municipal para criticar fiscais da Secretaria Municipal de Turismo, Trabalho e Desenvolvimento Econômico. Primeiro foi Isaías de Diogo (PSC). O vereador repudiou as atitudes agressivas, segundo ele, por alguns fiscais. “Eu entendo perfeitamente que eles estão trabalhando. Mas não é necessário agredir os ambulantes. Soube que tem fiscal agredindo as pessoas com máquina de choque, isso é necessário?”, questionou. O vereador Ronaldo Caribé, o Ron do Povo (PTC), também atacou os fiscais. “A truculência dos fiscais não é uma novidade em Feira de Santana. Estamos cansados dessas atitudes. Os ficais não são os donos da cidade. Peço que as secretarias afastem esses funcionários”, disse. Mas é bom que os vereadores saibam que alguns ambulantes não são nenhum exemplo de boas maneiras. Evidentemente que nenhum tipo de violência é justificável.