CURTA AS CURTAS

- A Câmara Municipal de Feira de Santana aprovou, por unanimidade, o Título de Cidadão Feirense ao subcomandante geral da Polícia Militar do Estado da Bahia, coronel Paulo de Tarso Alonso Uzêda, natural de Salvador.
- Nada contra o policial, mas faço uma pergunta: o que ele fez mesmo em Feira de Santana para merecer a honraria? Ou não fez nada e o vereador está forçando a barra ou esqueceram de acrescentar ao texto do convite.
- O vereador Zé Filé novamente usou a tribuna da Câmara para atacar a gestão. Mais uma vez não identificou os postos que supostamente estariam em dificuldade. Denúncia sem base e sem conteúdo. Certamente para agradar ao chefe.
- O Tribunal de Contas do Estado da Bahia (TCE) aprovou - pelo quarto ano consecutivo - as contas do governador Rui Costa, por 5 votos a 1. Com ressalvas.
- O ex-prefeito Tarcízio Pimenta foi procurado por um pré-candidato a prefeito de Feira. Por enquanto só paquera.
- Mas o namoro e noivado não estão distantes.
- Deputado Targino Machado por enquanto é o coringa na sucessão em Feira. Mas pode ser o ás.
- Decisões sobre sucessão em Feira só devem ser concretizadas provavelmente em meados da Micareta de 2020, segundo Targino.
- O polêmico almoço entre Targino e Geilson pelo menos serviu para definir que nada está definido.
- Câmara de Vereadores discute situação da Fundação do Menor de Feira de Santana (Famfs). Espertalhões passaram a mão no dinheiro da instituição. Agora vão ter que devolver. Só isso. O resto é mimimi.
- Tem gente querendo correr com a sela, sem o cavalo.
- Anotem: “consulta popular” encomendada vai ressuscitar cadáveres.
- Toda independência, inclusive editorial, tem um preço.

Bola Fora – Jornalista sem fonte é soldado sem farda.

Bola Dentro – O crescimento de acessos ao Protagonista em tão pouco tempo de existência. Já provoca ciúme e raivinha.


Vou ali, que por aqui já deu.