O ex-secretário municipal de Administração, João Marinho Gomes Júnior, foi comunicado na sexta-feira (19) que deixaria o cago. Em contato com o Protagonista, ele disse que a comunicação da saída foi feita pelo próprio prefeito Colbert Martins Filho. “O prefeito me chamou na sexta-feira. Disse que precisava fazer ajustes na equipe e pediu que disponibilizasse o cargo. Perguntei se seria exonerado sábado (20). Ele disse que não. Então arrumei minhas coisas na sexta-feira à noite, com ajuda do meu filho, e fiquei esperando a comunicação oficial. Na segunda-feira (22) o prefeito me ligou e perguntou se eu receberia Sebastião Cunha – o substituto. Marcamos para essa terça-feira (23). Conversamos sobre a transição. Fiz a apresentação ao pessoal da Secretaria e me despedi”, relata João Marinho.
O ex-secretário, da confiança do ex-prefeito José Ronaldo, diz que não se surpreendeu com a exoneração, que deve sair oficialmente no Diário Oficial dessa quarta-feira (24). “Assim é o serviço público. No primeiro contato com Colbert, em abril do ano passado, deixei ele à vontade sobre meu cargo”, acentua Marinho.
João Marinho estava no cargo de secretário municipal de Administração há quase 20 anos. Desde o primeiro mandato de José Ronaldo como prefeito. Saiu em 2011, durante o governo de Tarcízio Pimenta, e retornou em janeiro de 2013, novamente com José Ronaldo eleito.
O Protagonista fez a pergunta que todos gostariam de saber a resposta: O ex-prefeito José Ronaldo sabia de sua exoneração e qual a reação dele? Resposta de João Marinho: “Prefiro não comentar sobre isso”, disse o contador aposentado, de 65 anos. “Eu estava secretário, mas sou contador”, concluiu Marinho.