E o enxugamento na Rede Bahia segue. Na tarde dessa terça-feira (27) os jornalistas Giácomo Mancini e Patrícia Nobre foram desligados da emissora, afiliada da Rede Globo e que atravessa crise financeira.
Giácomo foi demitido do cargo de gerente de jornalismo da Rede Bahia. Após saber da demissão do marido, Patrícia, que era repórter na emissora, também saiu. O casal era da Rede Globo, foi transferido há vários anos para a Bahia e atuava em matérias nacionais. 
A Rede Bahia está em reformulação da sua equipe de jornalismo desde o início do ano. Nesse mês, o nome de Paulo Cesena, ex-Odebrecht Transporte e nome envolvido com a Operação Lava Jato, foi confirmado como novo diretor-presidente da Rede Bahia.
No interior, registro de várias demissões de funcionários e encolhimento de afiliadas transformadas em escritórios. Na TV Subaé, por exemplo, demissões foram feitas, em vários setores da emissora no primeiro semestre de 2019 (leia mais).