O prefeito Colbert Martins Filho, todos sabem, nunca foi de criar ou entrar em polêmicas. Estilo comedido em sua trajetória política. Porém, em um vídeo que corre as redes sociais na noite dessa terça-feira (10), Colbert partiu para o ataque ao governo do estado.
Em cerca de 4min de gravação falou sobre o Centro de Convenções de Feira. “Uma obra que se arrasta por 13 anos sob gestões do PT. De lá para cá, muitas promessas e pouca efetividade. Ainda nessa mesma gestão, hoje com Rui Costa, abandonaram o nosso Centro Cultural Amélio Amorim, fecharam escolas”, lembrou.
Colbert destacou que “Feira de Santana é a segunda maior cidade da Bahia e merece ser tratada pelo Governo do Estado e seus representantes com atenção e respeito”.
Disse que firmou um convênio para o Governo do Estado “botar aqui R$ 300 mil para pagar a atualização das plantas do Centro de Convenções, que estavam desatualizadas. Recebi apenas R$ 30 mil. O governo estadual também sinalizou R$ 30 milhões para concluir a obra, mas nada chegou. Convoco qualquer um para irmos lá. Aquilo virou um pasto”, comparou.
O prefeito também mandou um recado ao deputado Zé Neto: “cuidado com o Amélio Amorim, pois o teto caiu e a abóbora está podre e abandonada”, disparou, concluindo com uma ameaça de deixar o consórcio da Policlínica Regional.