- Muita coisa por trás da apreensão de um guincho utilizado para reboque de veículos apreendidos pela SMT em Feira, no sábado (26).
- Corporativismo maquiado em fiscalização. Em breve, os detalhes.
- Duas igrejas católicas atacadas somente este mês de outubro.
- A Arquidiocese de Feira precisa se manifestar de forma mais contundente. Notas de repúdio em rede social não vão resolver.
- Os dias passam, a eleição municipal se aproxima e os ânimos esquentam na Câmara de Vereadores.
- Tem vereador deixando de lado a boa relação de 3 anos com colegas “invasores” de território. Farinha pouca...
- O Ministério Público está próximo de se manifestar sobre a denúncia de uso indevido e desvio de cartões-refeição na Câmara. Ufa!
- O radialista Carlos Geilson segue bastante cortejado. Mas nada de namoro.
- Algumas conversas durante suculentos almoços. Mas a gordura e os quilinhos a mais não têm resistido às suas caminhadas matinais.
- Ida do deputado Zé Neto ao Incardio Instituto do Coração, no sábado (26), foi um auê.
- O WhatsApp do Protagonista não parou. Alguns querendo saber se o deputado tinha feito a “viagem”.
- Teve gente decepcionada ao saber que foi “apenas” para exames rotineiros. Quanta maldade!
- Camelôs insatisfeitos com o Consórcio Shopping Popular realizam Audiência Pública no CUCA, às 14h, nessa terça-feira (29).
- Várias autoridades foram convidadas. Com certeza muitos “pirus” – com ‘i’ mesmo - vão dar o ar da graça.
- Aliás, outubro está acabando e nada do Shopping Popular funcionar, como prometeu o Consórcio. O mineiro é bom de conversa.
- Não pegou nada bem entre alunos da UEFS a declaração do vereador Edvaldo Lima: “UEFS virou lugar de prostituição” (leia mais).
- A direção ficou muda – nenhuma novidade nisso -, mas estudantes repudiaram o polêmico vereador.
- Aliás, tudo bem que o vereador Edvaldo defenda seus pontos de vista. Alguns coerentes. Outros, não.
- É assumidamente contra o universo LGBTQ, por exemplo. Direito dele. Aceitar é uma escolha. Respeitar, um dever.
- O que não deve é usar o mandato para atacar a instituição UEFS e seus alunos. Generalizou. Foi infeliz. Mais uma vez.
- Crianças com microcefalia e familiares têm, em Feira de Santana, um dos melhores atendimentos do país, através da Secretaria Municipal de Saúde.
- 25% das mulheres atendidas no Hospital da Mulher vêm de outros municípios. Não é invasão, é bom que se diga. Faz parte da pactuação.
- O Protagonista feliz por servir de fonte de pauta para muita gente. Agradecimento até aos que insistem em não dar crédito ao blog.
- A quem interessar: é melhor ser pedra, que ser telhado.
- Principalmente quando a pedra é pesada e o telhado é de vidro.

Nota 10 – Restaurante Popular do Centro de Abastecimento.
Nota 0 – Para a maldita Regulação do governo do estado. A fila da morte.

Vou ali, que por hoje só amanhã!