Não caiu bem para integrantes do alto escalão do governo municipal e vereadores da base governista, as entusiasmadas declarações do presidente do PDT, deputado federal Félix Mendonça Júnior, durante ato de filiação de novos integrantes do partido, incluindo os vereadores Isaías de Diogo, Ron o Povo e Neinha Bastos, esta semana.
Félix Júnior disse aos quatro na CDL que deseja lançar o nome do vereador licenciado e atual secretário de Desenvolvimento Social de Feira de Santana, Pablo Roberto Gonçalves, para disputar a Prefeitura de Feira em 2020, conforme matéria no site De Olho na Cidade, do jornalista Taiuri Reis.
“Eu queria que Pablo fosse candidato a prefeito, mas o diretório municipal do PDT é que vai decidir”, acrescentou Félix Mendonça Júnior.
Ao Protagonista, integrantes do alto escalão do governo municipal criticaram a postura do líder do PDT na Bahia. “Estamos buscando a consolidação do nome do prefeito Colbert no cenário. E todos deveriam estar focados nessa missão da busca à reeleição. As declarações de Félix Mendonça Júnior foram infelizes”, disse ao blog um integrante do governo municipal.
“Evidentemente que causa um mal-estar no grupo. Pablo faz parte do governo e temos um prefeito atuante que busca, naturalmente, a reeleição. Uma declaração dessa provoca reflexos”, salientou um outro governista.
O blog ouviu três vereadores bem próximos ao governo municipal. Também pediram anonimato. Todos concordam que o momento é de união em torno do nome de Colbert. “Esse trabalho de Colberzinho deve continuar. Começou a dar frutos. Na Câmara temos lutado pela união, e essa declaração do deputado foi inoportuna”, disparou um dos vereadores.
Outro vereador enfatizou a deselegância do deputado pedetista. "Não respeitou nem a presença do prefeito Colbert no evento", salientou.
Já Pablo Roberto foi comedido e discreto. “O objetivo é montar uma chapa competitiva de vereadores e pré-candidatos para as eleições do ano que vem”, destacou, evitando polêmicas.
As declarações de Félix Júnior foram ouvidas por José Ronaldo e o próprio prefeito Colbert Filho, que estavam presentes ao ato de filiação. Ouviram e nada comentaram. Pelo menos em público.
(Foto: Taiuri Reis)