Alvo de protestos e muita polêmica, enfim o BRT vai funcionar em Feira de Santana. De acordo com o prefeito Colbert Filho a ativação parcial do equipamento já tem data: março de 2020.
A informação foi dada em entrevista ao programa Linha Direta com o Povo, na rádio Sociedade News. O BRT de Feira de Santana vai entrar em atividade, experimentalmente, por partes, conforme o prefeito.
Colbert explicou que as estações de embarque e desembarque de passageiros – exceto a localiza na avenida Noide Cerqueira, que a Prefeitura enfrentou problemas judiciais -, estão praticamente prontas.
Ainda segundo o prefeito, uma das prioridades do Governo Municipal em 2020 será a educação. Ao ser perguntado pelo âncora do programa, Luís Santos, qual a principal meta para 2020, o prefeito enfatizou o desejo de melhor a nota de Feira de Santana no IDEB (Índice de Desenvolvimento da Educação Básica). “É um desejo meu fazer com que nossa nota melhore. E estamos nos dedicando na administração pública para que isso aconteça. Outras cidades de menor porte conseguiram e nós temos tudo para conseguir”, disse Colbert.
Também como meta para o ano que vem, o prefeito destacou a grande intervenção que a cidade vai sofrer em relação a mobilidade urbana. “Esse será o nosso grande foco. Dando atenção mais às pessoas, os pedestres”.
Outros pontos destacados na entrevista foram o funcionamento do Shopping Popular e mudança no Centro de Abastecimento. Todos esses projetos previstos para o primeiro semestre de 2020.

Em Brasília - O prefeito Colbert está em Brasília, nesta quinta-feira (26), onde manteve audiência com o presidente da Comissão Mista de Planos, Orçamentos Públicos e Fiscalização do Congresso Nacional, senador Marcelo Castro (MDB-PI). Ele faz gestões junto ao presidente do órgão em defesa de emendas parlamentares indicadas para este município.

Colbert diz que é estratégico este contato com o senador, em um momento que se aproxima o final do exercício. “Decisões importantes acerca do Orçamento deste ano que se finda, bem como do que está por vir, tem a participação direta do presidente desta comissão”, assinala o prefeito.
O senador não adiantou respostas aos pleitos do prefeito feirense, mas manifestou todo o o interesse de ajudar para que Feira de Santana tenha “bons resultados” para o ano que vem, no que diz respeito ao Orçamento Federal. 
“Foi um contato muito bom, necessário e importante para Feira de Santana. Aliás, Brasília, não preciso lembrar, é o centro das decisões no país e Orçamento é um tema da maior relevância para os municípios”, comenta o prefeito. O senador Marcelo Castro, além de ser do MDB, mesmo partido de Colbert, é um antigo amigo dele. “Atuamos juntos por cerca de 10 anos aqui no Congresso e espero que nos ajude a viabilizar algumas reivindicações que lhe fiz”.
(Fotos: Secom)