A Justiça, através da 3ª Vara Criminal da Comarca de Feira de Santana, acatou denúncia do Ministério Público Estadual e o ex-diretor de Parques e Jardins da Prefeitura, Deodato Peixinho, virou réu no processo de assédio sexual contra uma servidora da Secretaria Municipal de Serviços Públicos.

A informação foi passada ao Protagonista pelo marido da servidora assediada, Sidnei Costa dos Santos, conhecido como Magal, que também é servidor municipal.
“Fomos orientados pelo nosso advogado a irmos até o setor de Distribuição do Fórum Filinto Bastos. Lá, fomos informados sobre o andamento do processo”, informa Magal.
Deodato, agora, tem prazo de dez dias para se manifestar e apresentar defesa. Em seguida cabe ao Ministério Público emitir um parecer. Cabendo ao juiz decidir se ele responderá ao processo em liberdade ou não,. “A justiça está sendo feita”, afirmou Magal