O vereador Lulinha (DEM) usou parte de seu espaço na tribuna da Câmara Municipal nesta segunda-feira (17) para falar sobre política e campanha eleitoral. Comentou, entre outros assuntos, a pré-candidatura do deputado estadual Targino Machado (DEM).
“Já estamos vendo o lançamento de nomes, reuniões de pré-candidatos e partidos. É natural acontecer essa movimentação, porém o mais importante são reuniões para definir nomes e nós, vereadores, temos um grande compromisso em continuar com o desenvolvimento da cidade. Há projetos em andamento que deverão ser executados. Sou democrata, fui candidato a deputado, tive quase 11 mil só em Feira e faço parte do Democratas na cidade, assim como outros vereadores e políticos”, pontuou.
Lulinha lembrou que o prefeito Colbert, que também faz parte do grupo, está atuante na cidade. “Elegemos como prefeito o democrata Ronaldo, que saiu para disputar eleição e deixou o vice, que é nosso prefeito atual. Colbert tem feito o máximo para concluir todos os projetos deixados por Ronaldo e está trabalhando bem; são obras em vários lugares. São muitas melhorias e desenvolvimento na cidade a exemplo do BRT; organização do centro da cidade; Shopping Popular, que já está sendo entregue. Esperamos que este seja um dos melhores empreendimentos da cidade como foi o Feiraguai, que na época ninguém queria ir”, lembrou.
O democrata discordou da repercussão de seus pronunciamentos na Casa. “Estão falando que Lulinha é briguento, mas ninguém nunca viu este vereador chegar às vias de fato com ninguém. Os debates ficam no campo das ideias. Não há motivos para tanta celeuma. Discordo de algumas posições e discursos e temos o direito de perguntar aos colegas qual a postura. Não sou vereador briguento, sou vereador que debate”, explicou.
“Agora estão dizendo que os vereadores vão temer a candidatura de Targino e que ficarão todos calados. Sabemos que a política passa pelo líder maior da cidade, que é José Ronaldo. Temos aqui vereadores que fazem parte do Diretório do DEM e temos que discutir. Temos um prefeito que está crescendo e trabalhando. Temos que ouvir Colbert e José Ronaldo na formação dessa chapa que será grande e vitoriosa”, finalizou.