A direção provisória municipal do Partido Democrático Trabalhista (PDT) em Feira de Santana está inativa. No último dia 22 de fevereiro o prazo provisório expirou, de acordo com informações da Justiça Eleitoral.
“Certifico que se encontram anotados nos assentamentos da Justiça Eleitoral o seguinte órgão partidário e seus membros. Este órgão partidário encontra-se com prazo de validade expirado”, diz trecho informação contida no site do TRE Bahia.
A vigência da comissão provisória era entre 20/11/2019 (data de validação) e 20/02/2020, prazo final dado pela Justiça Eleitoral.
Nesse caso, o secretário Paulo Miranda Costa, o tesoureiro Pedro Américo de Santana Lopes, o membro José Raimundo Pereira de Azevedo, o vice-presidente Geovanne Ribeiro de Almeida e o presidente Pablo Roberto Gonçalves estão inativos.
Portanto, diante do TRE, o PDT em Feira de Santana está sem direção.