Presidente municipal do PTC, Jildásio Ferreira de Jesus, conhecido como Nena, confirma sua pré-candidatura a vereador nas eleições de outubro. E faz uma previsão: a renovação na Câmara será histórica, com 70 a 80% de caras novas.
Em entrevista ao Protagonista, Jildásio Nena, que teve 1.331 votos para vereador, em 2016, fala sobre formação da chapa proporcional no PTC, da relação com o governo municipal e do apoio ao pré-candidato Carlos Geílson.
O Protagonista - O sr. é pré-candidato a vereador?
Jildásio Nena – Sim.
O Protagonista - Qual a posição do PTC em relação ao governo municipal?
Jildásio Nena – O PTC não anda com o governo municipal. Com o descaso com as lideranças, com a comunidade não há coo alinhar com o governo.
O Protagonista - Como está a formação da chapa proporcional?
Jildásio Nena – Praticamente 95% formada. Trabalhamos pra fazer dois vereadores e com sobra. É um grupo unido, sem cacique. Todos têm chance de se eleger.
O Protagonista - O sr. apoia o pré-candidato Carlos Geilson a prefeito. Por enquanto a base dessa pré-candidatura é o Podemos e o PTC. Outros partidos devem alinhar com vocês para as eleições?
Jildásio Nena – Eu creio que sim, outros partidos vão se juntar a nosso projeto. Feira de Santana não aguenta ais e quer uma mudança.
O Protagonista - Como o sr. acha que serão as eleições para vereador em Feira?
Jildásio Nena – Acredito que haverá uma grande renovação, entre 70 a 80%. Os vereadores que aí estão não disseram para que vieram. Não representam o povo. Representam os caciques.