A Secretaria Municipal de Transportes e Trânsito (SMTT) reuniu, na manhã dessa segunda-feira (16), representantes do transporte público para ouvir sugestões e abordar estratégias de higienização nos veículos de transporte visando a prevenção e controle ao coronavírus.
Durante a reunião, conduzida pelo secretário Saulo Figueiredo, foram destacadas medidas profiláticas (prevenção de doenças) para evitar a disseminação e contaminação ao Coronavírus decretadas nas principais cidades do país - Salvador, Brasília, Florianópolis, Goiânia, Curitiba, Aracaju, São Paulo.
"Existe a sensibilidade por parte dos operadores de todos os modais uma preocupação sobre essa pandemia do COVID-19. A nossa reunião foi muito produtiva e todos expuseram suas preocupações, bem como apresentamos alguns tópicos que grande municípios do Brasil adotaram como forma de prevenção a essa pandemia”, frisa o secretário.
Os principais pontos sugeridos na reunião destacam medidas imediatas, como a higiene do mobiliário e banheiros dos terminais que iniciará, a partir dessa segunda à noite, pelo Terminal Central e, posteriormente, nos Terminais Norte e Sul através de prepostos da Secretaria de Serviços Pùblicos (SESP).
Ainda, durante a reunião, foi indicado a higiene de operadores de transporte, dos capacetes de mototáxis, disponibilização de álcool em gel para higiene dos usuários de transporte público, campanhas educativas para usuários e operadores com cartazes informativos, bem como a substituição das janelas laterais das vans por janelas abertas.
De acordo com o representante da empresa de transporte coletivo São João, Abel Soares, desde a semana passada, após confirmação do primeiro caso na cidade, foi intensificado a higienização dos veículos e veiculação de campanha publicitária embarcada com orientações aos usuários sobre procedimentos de higiene pessoal.
“A partir de hoje (segunda) reforçaremos também a limpeza interna dos veículos desinfectando-os com o uso do álcool 70% [álcool etílico hidratado 70º INPM] seguindo as recomendações dos órgãos de saúde. Vamos continuar disponibilizando, em toda a frota [Rosa e São João], o álcool em gel para a higiene das mãos tantos dos operadores, motoristas e cobradores, quanto dos usuários”.
Segundo o representante das Associação do Transporte Alternativo de Feira de Santana (Ascotrafs), Raimundo de Souza, o Dinho, as vans que circulam transportando passageiros na zona rural estarão com janelas e basculantes dianteiro e traseiro abertos para facilitar a circulação de ar no interior dos veículos.
(Foto e informações: Secom)