Enquanto o mundo inteiro apela aos cidadãos que fiquem em casa, preservando suas vidas, os gananciosos e inconsequentes comerciantes e empresários de Feira de Santana pressionam o prefeito Colbert Martins Filho para reabrir as lojas na semana que vem.
Pressionado, o prefeito Colbert afirmou que até o próximo domingo (29), decide a situação do comércio e das empresas de serviços, fechados há uma semana, por decreto.
Infelizmente, os gananciosos comerciantes e empresários feirenses devem ganhar a quebra de braço. Como antecipou áudio vazado de um dirigente de classe (leia mais) de Feira de Santana, em um grupo de WhatsApp, com representantes das classes produtoras do município, afirmando que as lojas reabririam.
Matéria da Secretaria de Comunicação publicada no site da prefeitura de Feira, nesta sexta (27), já aponta que as lojas devem ser reabertas. “O prefeito deverá baixar um novo decreto, determinando as regras de funcionamento dessas atividades para os próximos dias”, diz trecho da matéria.
Os chacais do comércio e empresas de Feira estão à espreita, esperando a oficialização de uma irresponsabilidade: reabrir as lojas de um município com cerca de 800 mil habitantes que já registra 9 casos confirmados de coronavírus e dezenas de casos aguardando resultado laboratorial.
Que o bom senso prevaleça. Caso a inconsequência e a usura vençam, cabe ao Ministério Público agir para preservar as vidas humanas colocadas em perigo pelos gananciosos.
Vale lembrar que o governo federal tem anunciado medidas que amparam o empresariado em relação aos danos financeiros provocados pelo coronavírus. 
(Foto: Secom)