Ex-chefe de Gabinete da Secretaria Municipal de Serviços Públicos da Prefeitura de Feira de Santana, Deibson Cavalcante fala pela primeira vez sobre sua exoneração do cargo. Não esconde a insatisfação de ter sido “comunicado” através do Diário Oficial Eletrônico do Município. “Faltou a decência de me informar antes”, acentua. Deibson também fala sobre a reviravolta no partido Cidadania – foi destituído do comando do partido e retornou agora, por determinação da Justiça Eleitoral.
O Protagonista – Como foi essa reviravolta em relação a perder e depois recuperar a direção do partido Cidadania em Feira?
Deibson Cavalcante – A direção Estadual do Partido foi na contramão da resolução 23.475/2015, em que coloca a necessidade de se constituir Diretórios em substituição às comissões provisórias. Então resolvi entrar na Justiça para restabelecer o Diretório legítimo, que foi eleito.
Graças a Deus ganhamos a liminar e vamos buscar entendimento com a Estadual para que esse tipo de situação não ocorra mais.
Sempre fui aberto ao diálogo e vou me manter assim. Sabemos da importância desse processo eleitoral para a vida política do Partido.
O Protagonista – Como fica o andamento das atividades no partido?
Deibson Cavalcante - Quanto ao grupo já montado lá, não vamos mexer, mantendo tudo como está e vamos encaminhar tudo com tranquilidade e transparência.
O Protagonista – Você foi surpreendido com sua exoneração do governo municipal?
Deibson Cavalcante -
Quanto à saída do Governo Municipal só tenho a seguinte questão a dizer: respeito, porque estava em um cargo de livre exoneração e o gestor entendeu, nesse momento, que meus serviços não eram necessários e me exonerou. Encaro com naturalidade. Infelizmente, faltou a decência de me informar antes. Muito chato ter a ciência pelo Diário Oficial.
O Protagonista - Como avalia sua passagem pela SESP?
Deibson Cavalcante - Quanto à qualificação do meu trabalho como chefe de Gabinete da Secretaria Municipal de Serviços Públicos (SESP), deixo a população julgar. Agradeço à quantidade enorme de manifestação de carinho que recebi no meu zap, das pessoas falando do profissionalismo com que conduzi as questões dentro da Secretaria.
Sou servidor público de carreira, concursado na UEFS e sei do grande papel que temos na missão de servir ao interesse coletivo.
No mais vamos continuar discutindo a cidade buscando o entendimento para o crescimento e desenvolvimento da nossa querida Feira de Santana.