O vereador Roberto Tourinho (PV) utilizou a tribuna da Câmara Municipal nesta quarta-feira (11), para informar o encaminhamento do processo que acusa o prefeito Colbert Filho de atos de improbidade administrativa referentes ao processo licitatório para troca de lâmpadas na cidade.
De acordo com o parlamentar, a representação criminal já foi remetida ao promotor de improbidade administrativa do Ministério Público da Bahia, dando início a investigação do processo licitatório que visa adquirir lâmpadas de LED para o município.
A denúncia - Ao discursar na sessão ordinária de terça (10), Roberto Tourinho anunciou que iria fazer uma denúncia sobre a “criação de uma organização criminosa para fraudar processos licitatórios, tendo como beneficiados o prefeito Colbert, secretários e autoridades”, após observar que o processo licitatório de número 107/2019, na modalidade pregão eletrônico, nº 76/2019, teve como vencedora a empresa M.M. Materiais Elétricos, enquanto a empresa contratada foi a Unicoba Energia S.A que, de acordo com o parlamentar, apresentou um valor de R$ 2 milhões a mais.
Marcos Lima - O líder da bancada governista, vereador Marcos Lima (Patriota), defendeu o Governo Municipal da denúncia feita por Roberto Tourinho. O governista Marcos Lima garantiu o prefeito tem a preocupação em realizar todas as etapas dos processos licitatórios conforme a Lei. “Colbert Martins é um prefeito que tem caráter, tem respeito e tem demonstrado no dia-a-dia o compromisso que tem com Feira de Santana. Os ataques de Vossa Excelência já são esperados, porque você não tem propostas, só tem ataques”, disparou.
O parlamentar ainda confirmou o atraso em algumas licitações em virtude dos processos na Justiça “apoiadas por Tourinho”. E completou: “Vossa Excelência está dando tiro para todos os lados, eu acho que dessa forma mostra um desespero para a sociedade de Feira de Santana. Estamos aqui ao lado do governo porque nós acreditamos que é um governo sério, que tem trabalhado e vai continuar trabalhando pela cidade”, afirma Marcos Lima.