Mesmo em tempos de coronavírus e isolamento social, a política em Feira de Santana não para. A mais recente novidade é um movimento articulado nos bastidores para enfraquecer o DEM.
Uma fonte de grande credibilidade informo ao Protagonista que a intenção de um “articulador” político local é levar para o MDB seis vereadores do atual grupo de 15 que formam o grupão de direita no município.
Uma costura que certamente trará desdobramentos mais à frente, envolvendo as duas maiores lideranças de direita em Feira de Santana.
A movimentação, como era de se esperar, já vazou e não agradou em nada a 9 dos 15 vereadores do grupão.
Um vereador comentou ao Protagonista que essa quebra de braço não é bem vista no grupo. “Muito perigosa”, avalia.