O vereador licenciado e secretário municipal de Serviços Públicos encerra em 2020 um ciclo. Não vai mais se candidatar a uma vaga na Câmara Municipal.
Justiniano é o nome preferido e indicado a vice-prefeito na chapa do atual gestor, pelos candidatos do DEM. Mas o martelo ainda não está batido e pode haver surpresa nessa indicação do vice. Bom soldado, Justiniano aguarda.
Na programação já definida, Justiniano não vai se desincompatibilizar nesse dia 3 de abril, como determina a lei eleitoral para quem deseja disputar a eleição a vereador. “Já conversou com o grupo, com a família e com o ex-prefeito José Ronaldo”, diz uma fonte ao Protagonista, acrescentando que Justiniano será um dos coordenadores da majoritária.
Se seu nome não vingar como vice-prefeito na chapa MDB/DEM, Justiniano talvez aceite ser secretário, mais uma vez, pois tem a confiança e prestígio junto a José Ronaldo.