Feira de Santana registou até a segunda-feira (18), 219 casos confirmados de coronavírus. Desse total, 50 infectados são profissionais de saúde com atuação na linha de frente de unidades de saúde do município.
Os 50 casos entre profissionais de saúde representam quase 25% dos positivos da doença em Feira de Santana.
E devido ao grande número de casos e ao abuso nas aglomerações, principalmente nos finais de semana, a partir de quinta (21), o comércio volta ser fechado. “Essas medidas são necessárias e vêm com o aumento do número de casos e com falta de leitos”, explica o prefeito Colbert.
E a medida do prefeito de voltar a fechar o comércio e outras atividades tem base nos números. Do dia 21/4 até a segunda (18) foram 27 dias com 115 casos positivos.
Nos primeiros 18 dias de maio foram registrados 135 casos confirmados em Feira. Média de quase 8 casos por dia.
Números bem superiores dos primeiros 46 dias desde o registro do primeiro caso no município: de 6 de março a 22 de abril foram 46 dias com 64 casos.