Existe, sim, a possibilidade de reabrir as atividades empresariais e comerciais ainda neste mês de junho em Feira de Santana. A declaração é do prefeito Colbert Filho, respondendo a questionamento do Protagonista, em entrevista coletiva online com jornalistas, na manhã dessa segunda (8).
Sobre a pressão exercida por comerciantes e empresários para reabertura, Colbert salientou que boa parte das atividades econômicas seguem funcionando no município.
“A indústria toda está aberta. Serviços praticamente todos abertos. Construção civil, manutenção de veículos, postos de combustíveis, supermercados, clinicas, enfim, muita coisa em funcionamento”, acentua Colbert, acrescentando que a maior parte das restrições são para atividades que funcionam na área central da cidade.
“Posso modificar o Edital até amanhã, basta ter as boas condições para isso. Mudaremos sem problema algum”, diz Colbert.
O prefeito fez um desabafo sobre a situação. “Vocês não imaginam como é difícil, para mim, tomar atitudes como esta, de suspensão de atividades que geram emprego e renda, mas são necessárias. Economia boa é a que deixa gente viva”, destaca o prefeito.
HOSPITAL DE CAMPANHA - Faltam ainda 5 respiradores na unidade. Outros 24 leitos estarão prontos semana. Foi aberto com dez leitos clínicos e 1 de UTI. Atendimento exclusivo para pessoas de Feira de Santana e com regulação.
LEITOS PRIVADOS – Segundo o prefeito, os leitos privados em Feira de Santana estão com capacidade esgotada.
AULAS – As aulas na rede municipal de ensino também estão suspensas até o dia 15. “Teremos nesta terça (9) reunião com pessoal da educação privada para definir ações”, informa Colbert.
UNIDADE PARA ABRIGAR INFECTADOS – Feira de Santana pode ter um local para abrigar pessoas infectadas com coronavírus, semelhante ao que existe em Salvador. “Já mantive alguns contatos, inclusive com a rede hoteleira, para buscar um local adequado”, explica o prefeito.
ENGARRAFAMENTOS – Colbert também destacou na coletiva com a imprensa o número grande de veículos circulando na cidade. “As restrições para o tráfego de veículos serão endurecidas. Vindo para a prefeitura, nesta segunda (8), percebemos até engarrafamentos em vários pontos da cidade. Vamos intensificar as restrições neste quesito”, destaca Colbert.