Embora os números de coronavírus em Feira de Santana estejam atingindo níveis elevadíssimos – 708 positivos até esta terça (2/6) -, uma parte da população segue ignorando os riscos de contágio e as limitações impostas pelo Decreto Municipal.
Uma desobediência que custa caro. Na última segunda (1/6), em Feira o índice de isolamento foi de apenas 46,3%, bem abaixo do mínimo admitido pelo Ministério da Saúde.
Os números são apresentados através de uma ferramenta de medição disponibilizada pelo Governo Federal, através do Ministério do Planejamento e adotada pela Prefeitura Municipal.
O índice considerado satisfatório pelo Ministério da Saúde é de 70%. Abaixo de 50%, o nível é visto como abaixo do mínimo admissível e, por isso, preocupante. O município ainda não conseguiu alcançar a taxa considerada satisfatória, mesmo como todas as recomendações do Governo Municipal e as ações de fechamento do comércio e força tarefa de combate a aglomerações.