O Governo Municipal decreta luto oficial nesta terça (14) pela morte do médico, pecuarista e ex-diretor da 2ª Diretoria Regional de Saúde (Dires), e ex-secretário de Saúde de Feira de Santana, Benício Cunha Cavalcanti. Ele morreu durante a madrugada por complicações de saúde agravadas por ter se contaminado com o covid 19.
"Ele vinha adoentado há algum tempo. Fez cirurgias do coração. Resistia bravamente a uma série de problemas de saúde", revelou o prefeito de Feira de Santana, Colbert Martins Filho, também médico e muito amigo do falecido. 
Benício Cavalcante também atuou durante muitos anos na Santa Casa de Misericórdia e foi um dos fundadores da Unimed de Feira de Santana. 
Além da área médica, Benício Cavalcante foi importante pecuarista na Bahia e no Nordeste, um dos mais destacados criadores de gado guzerá. Participou de inúmeras exposições pelo país e teve notável presença na Exposição Agropecuária de Feira de Santana em toda a história do evento regional.  
"Neste momento, é muito lamentável todas as mortes que vêm ocorrendo, porque enluta várias famílias. Mas especialmente essa me traz um sentimento de perda maior, porque tratava-se de um grande amigo. É muito lamentável", declarou o prefeito, ao decretar luto oficial.