Todas as medidas de restrições econômicas definidas pelo Governo do Estado através do Decreto 19.829 passam a valer em Feira de Santana a partir desta quarta-feira (15). A adesão a medida estadual que visa enfrentamento ao novo coronavírus, causador da covid-19, foi anunciada pelo prefeito Colbert Filho na tarde de terça (14).
Pelo decreto estadual fica determinada a restrição de locomoção noturna, vedados a qualquer indivíduo a permanência e o trânsito em vias, equipamentos, locais e praças públicas, das 18h às 05h, a partir da 00h do dia 13 de julho de 2020 até às 24h do dia 19 de julho de 2020.
Em contato com o Protagonista, o secretário municipal de Prevenção à Violência, tenente-coronel PM Moacir Lima, recomenda aos feirense que a partir das 18h quem estiver indo para o trabalho esteja portando comprovante funcional. "Quem estiver voltando do trabalho para casa após as 18h recomendados estar portanto comprovante de endereço", diz.
Com a adesão ao Decreto Estadual, as atividades econômicas em Feira de Santana passam a seguir o que determina a medida do Estado. Entre os dias 13 e 19 de julho, está autorizado, das 5h às 16h, apenas o funcionamento dos serviços essenciais, e em especial as atividades relacionadas ao enfrentamento da pandemia, o transporte e o serviço de entrega de medicamentos e demais insumos necessários para manutenção das atividades de saúde, as obras em hospitais e a construção de unidades de saúde.
São consideradas essenciais as atividades de mercados, serviços de delivery de farmácias, unidades de saúde, serviços de segurança privada, serviços funerários, postos de combustíveis, indústrias, bancos, lotéricas e estabelecimentos voltados a alimentação e cuidado a animais.
(Com informações da Secretaria de Comunicação da Prefeitura)