O vereador licenciado Justiniano França (DEM) ficou triste, “no primeiro momento”, quando soube que não seria o escolhido para candidato a vice na chapa de Colbert, indicado pelo DEM. Em entrevista ao Protagonista revelou, também, que vai trabalhar para eleger os quatro candidatos a vereador dentro do seu grupo político, com sua desistência de buscar a reeleição à Câmara Municipal. Ainda sobre a escolha de Fabinho, acredita que a experiência política do ex-deputado federal pesou na decisão de José Ronaldo. Sobre futuro, “algumas ideias”. Confira a entrevista completa:

O Protagonista - Qual sua avaliação da escolha de Fernando de Fabinho para vice na chapa de Colbert, indicado pelo DEM?

Justiniano França – Entendo que os três nomes, o meu, o de Fernando e e de Zé Chico, tinham plenas condições de fazer parte da chapa, por certo a experiência política de Fernando pesou na escolha.

O Protagonista - Particularmente, qual seu sentimento? Frustração, aborrecimento, decepção?

Justiniano França – No primeiro momento um pouco triste, o que é natural. Porém, hoje, revigorado para participar ativamente da campanha de Colbert e dos quatro candidatos a vereador que imergiram do meu grupo político.

O Protagonista - Qual seu papel na campanha agora de Colbert e Fernando de Fabinho?

Justiniano França – Estou à disposição para assumir o papel que for demandado pelo grupo político.

O Protagonista - Qual o futuro político de Justiniano França?

Justiniano França – Algumas ideias, porém, no momento, é atuar na campanha de Colbert.