Cerca de 70% das barracas instaladas no calçadão da Sales Barbosa são alugadas. Este é o principal motivo de resistência de alguns camelôs em deixar a área pública para se instalar no Shopping Popular, segundo o empresário Elias Tergilene, representante do Consórcio Feira Popular S. A.

Somente no calçadão da Sales Barbosa estão instalados cerca de 800 camelôs, dos quais cerca de 500 pagam aluguéis aos verdadeiros donos.

Tendo como fonte uma pesquisa realizada junto aos camelôs que locaram as barracas no calçadão, Elias Tergilene revela que os camelôs inquilinos pagam aluguéis com preços que variam entre R$ 500,00 e até R$ 1.200,00.

Justamente por isso, conforme explica, o motivo de tanta resistência. "Os verdadeiros donos das barracas brigam para ficar de graça no local para manterem os espaços sublocados", frisou.

Além do valor referente aos aluguéis, segundo Elias, os camelôs da Sales Barbosa também pagam mensalmente R$ 10,00 de sindicato; mais R$ 40,00 de iluminação por ponto e ainda R$ 45,00 de vigilante por porta.