Notícia

Mototaxistas cobram alvará e lamentam queda na demanda devido à pandemia de covid

Os mototaxistas legalizados em Feira de Santana reclamam da atuação dos clandestinos
Mototaxistas cobram alvará e lamentam queda na demanda devido à pandemia de covid Mototaxistas cobram alvará e lamentam queda na demanda devido à pandemia de covid

 

Mototaxistas que atuam em Feira de Santana protestam cobrando a liberação de alvará por parte da Prefeitura. Também lamentaram a acentuada queda no movimento devido à pandemia de covid.

A categoria se concentrou em frente ao paço Municipal Maria Quitéria, na tarde de terça-feira (13), em busca de uma audiência com o prefeito Colbert Filho. Em entrevista ao repórter Carlos Valadares, no programa Jornal TransBrasil, na rádio TransBrasil, comandado por Carlos Geilson, a presidente da Associação dos Mototaxistas de Feira de Santana, Uda Barros, cobrou a liberação do alvará.

“Buscamos o diálogo com a Prefeitura, mas até agora não fomos atendidos. Estamos aptos a receber o alvará de funcionamento. Nos cobraram veículo novo, documentação atualizada, pagamento de taxas, mas não liberam o alvará. Investimos entre R$ 15 e R$ 16 mil e até agora, nada”, protesta Uda.

Para Uda Barros, a falta do alvará para os legalizados incentiva a atuação dos mototaxistas clandestinos. “Enfrentamos a redução drástica da demanda devido à pandemia e ainda a atuação dos clandestinos”, pontua a dirigente.

Os mototaxistas não foram atendidos pelo prefeito Colbert Filho, como desejavam, mas o secretário municipal de Transportes e Trânsito, Saulo Figueiredo, anunciou uma reunião com a categoria na quinta-feira (15), na sede da SMTT.

(Informações: site Olá Bahia. Foto: repórter Carlos Valadares)

Comentários (0)

Leia mais

Cidade - O Protagonista
Atualizado em 16-06-2021 08:31

Morre o radialista Rogério Santana


Política - O Protagonista
Atualizado em 15-06-2021 17:43

Carlos Geilson critica iniciativa de mudança nas regras eleitorais


Política - O Protagonista
Atualizado em 15-06-2021 16:57

ACM Neto no radar de Bolsonaro para candidato a vice em 2022, diz revista


Política - O Protagonista
Atualizado em 15-06-2021 10:46

Vereadores Jurandy e Lulinha disputam "paternidade de filho bonito"


Publicidades